FUNDAGRO
Fundação de Apoio ao Desenvolvimento
Rural Sustentável do Estado de Santa Catarina
www.fundagro.org.br



PREVISÃO CLIMÁTICA TRIMESTRAL

NOVEMBRO, DEZEMBRO e JANEIRO/2014-2015

29/10/2014

Comportamento das condições oceânicas

Entre setembro e início de outubro as condições oceânicas observadas continuaram confirmando a ocorrência do fenômeno El Niño de fraca intensidade nas águas do Oceano Pacífico Equatorial. A maioria dos modelos de previsão climática indica o desenvolvimento de um El Niño de fraca intensidade entre os meses de outubro a dezembro, com o pico de intensidade durante o verão 2014-15 e com duração até a estação do outono de 2015.

Sistemas atmosféricos   

Climatologicamente, no trimestre NOV/DEZ/JAN ocorre uma diminuição na precipitação se comparado aos meses anteriores na área da COPREL. Devido às características de primavera, que se estendem até a primeira quinzena de novembro, as chuvas são mais frequentes e intensas, principalmente na madrugada e início das manhãs.

Entre a segunda quinzena de novembro e a primeira quinzena de dezembro, ocorre um período de transição entre as condições de primavera e verão, com a diminuição da precipitação e, consequentemente, dias de maior estabilidade. Apesar desse padrão climatológico, a condição para El Niño indica que deve chover acima do normal mesmo durante este período de transição, com a formação de aglomerados de chuvas com descargas elétricas que se formam no decorrer do dia, devido ao aumento do calor e à presença de umidade.

A partir da segunda quinzena de dezembro e durante o mês de janeiro, as chuvas passam a ser predominantemente convectivas, ou seja, ocorrem pancadas de chuva com trovoadas, preferencialmente entre as tardes e início das noites, muitas vezes associadas à ocorrência de temporais. Sob a influência do El Niño, as chuvas convectivas deveram ter uma frequência diária maior.

Precipitação

A tendência da precipitação, na área de atuação da COPREL, no trimestre novembro e dezembro de 2014 e janeiro de 2015, é de que fique dentro a acima da normal climatológica.

No mês de novembro a previsão é de precipitação ligeiramente acima da média climatológica. Destaca-se que as chuvas devem ser melhor distribuídas na área, com ocorrência de descargas elétricas mais frequentes do que o habitual.

Para os meses de dezembro de 2014 e janeiro de 2015, espera-se uma condição de chuva dentro a ligeiramente acima do padrão climatológico.

Tabela 1: Normais Climatológicas para Área de atuação da COPREL, no trimestre Novembro, Dezembro e Janeiro.

Mês

Precipitação (mm)

Nov

140 a 150

Dez

150 a 160

Jan

140 a 150

 

Temperatura

Para o próximo trimestre as temperaturas devem ficar dentro da média climatológica.

Em novembro a massa de ar tropical se torna mais ativa, e, com isso, é comum a elevação gradual das temperaturas a partir deste mês. Apesar da incursão de massas de ar frio ao Alto Jacuí ainda no mês de novembro, a queda de temperatura é suave e de pouca duração, devido à fraca intensidade do frio.

Tabela 2: Normais Climatológicas para Área de atuação da COPREL, no trimestre Novembro, Dezembro e Janeiro.

Mês

Temperatura mínima (°C)

Temperatura máxima (°C)

Nov

15 a 18°C

26 a 29°C

Dez

16 a 19°C

28 a 31°C

Jan

17 a 20°C

28 a 31°C

 


Setor de Meteorologia - FUNDAGRO
FUNDAGRO

Hora da atualização: 10:22 hs 29/10/2014


Este documento foi produzido pelo setor de Meteorologia / FUNDAGRO.